Publicidade
Sábado, 06 de Março de 2021 | você está em »principal»Blogs»O Quinto Poder
Publicado em 20/07/2018 às 14h33
O novo trânsito de Jacareí


JOSÉ LUIZ BEDNARSKI

Jacareí é abençoada, uma cidade inevitavelmente destinada ao progresso. Junto com o crescimento, surgem questões de trânsito, desafio diário inerente à metrópole pujante que nos tornamos.

A criação da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana caiu como cesta de três pontos na Terra do Basquete. Demonstra preocupação do governante com esse tema primordial ao sadio desenvolvimento afonsino.

Pequenos detalhes são relevantes. A gestão de trânsito prescinde de obras faraônicas. Por exemplo, a mera readoção de sinistra mão única na Rua Sargento Acrísio Santana desafogou o contorno da Praça Raul Chaves.

Outra medida inteligente foi pintar cada vaga de estacionamento na região central. Excelente custo benefício. Eliminou espaços ociosos e facilitou a vida do munícipe.

O estratégico acionamento manual de semáforos no pico vespertino suavizou congestionamentos (sobretudo no alto da Avenida Nove de Julho). A aquisição de robustos separadores encaixáveis descomplicou a segurança viária na recente obra de canalização da Avenida Major Acácio Ferreira.

O fechamento da fábrica de multas foi um alento para a população já explorada com tantos tributos. A sanção passou a ter caráter pedagógico, não visar ao lucro. Mantida a finalidade preventiva, o índice de acidentes graves até diminuiu.

A reforma da ciclovia central e sua extensão rumo aos bairros mais populares foram outros trunfos. O trânsito é constituído por motoristas, pedestres e ciclistas. A ecológica bicicleta é uma tradição jacareiense hoje incentivada.

Por falar em tradição, o comércio e o consumidor comemoraram a volta do estacionamento na Rua Barão de Jacareí. Não houve prejuízo à fluidez do tráfego. Palmas à oitiva democrática.

O trânsito de caminhões pelo centro envenenava a qualidade de vida dos habitantes, mas era solenemente ignorado pelos valorosos governantes anteriores. A definição das rotas aos veículos pesados, embora trabalhosa, valeu a pena. O problema que se eternizava foi resolvido e a paz interiorana voltou a reinar.

Resta aguardar o desate do nó górdio da zona azul (será preciso coragem para informatizar de vez o sistema e sepultar os obsoletos parquímetros) e de vez em quando se lembrar de reforçar a apagada pintura das faixas da movimentada Avenida São João.

Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

06 MAR
Publicidade
Notícias
facebook
Artigos
Perfil do Blog
O Quinto Poder

Coluna assinada pelo Promotor de Justiça da Cidadania, José Luiz Bednarski. Uma abordagem apartidária, com discussão aberta dos assuntos de interesse geral; o amadurecimento paulatino da cidadania, a força da população em diálogo com órgãos independentes representativos, como MP, Defensoria Pública e outras instituições criadas ou fortalecidas a partir daConstituição de 1988.


E-mail do autor: joseluizbednarski@gmail.com
Arquivo
Publicidade
Publicidade
14/01/2021
Santos e Palmeiras disputam a final da Taça Libertadores no dia 30 de janeiro, às 17h, no Maracanã. Na sua opinião, qual dos dois será o campeão?

Nenhuma enquete encontrada!

Logos e Certificações: