Publicidade
Quarta-feira, 23 de Junho de 2021 | você está em »principal»Notícias»Esportes
Publicado em 02/09/2019 às 13h37
Tó ganha medalha de ouro por equipes em torneio de bocha no Parapan de Lima
A Redação / Diário de Jacareí
Comitê Paralímpico Brasileiro
Comitê Paralímpico Brasileiro
Antônio Leme, o Tó, vibra com a conquista do ouro no Parapan de Lima 2019

O Brasil ganhou três medalhas por pares e equipes para encerrar a participação da bocha no Parapan de Lima 2019. O ouro veio com a equipe da classe BC3, formada por Evelyn Oliveira, Mateus Carvalho e Antônio Leme, o Tó, que superou o Canadá por 4 a 3 no último duelo. Tó é de Jacareí e vibrou com a conquista, neste domingo (01), na capital peruana.

Além da láurea dourada, houve duas pratas. A equipe BC2/BC1 (Maciel Santos, Natali de Faria, José Carlos Oliveira e Guilherme Moraes) foi superada pela Argentina, assim como a BC4 (Eliseu dos Santos, Marcelo dos Santos e Ercileide Laurinda). 

A modalidade fechou com sete pódios, são três ouros, três pratas e um bronze. 

RIO 2016
Em 2016, Antônio Leme, o Tó, conquistou medalha de ouro inédita no Jogos Paralímpicos 2016, disputados no Rio de Janeiro. Tó, Evani Soares e Evelyn de Oliveira venceram a final das duplas mistas classe BC3, primeiro pódio brasileiro nessa categoria na história. Na decisão, disputada no dia 12 de setembro daquele ano, os brasileiros fizeram 5 a 2 na República da Coreia.

Brasil faz campanha histórica
no Parapan-Americanos de Lima

Os Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019 se encerraram neste domingo, 1º de setembro, e entram para a história como o que o Brasil mais conquistas acumulou. Após nove dias de competição, nossos atletas chegaram à inédita marca de 308 medalhas, entre as quais 124 de ouro, 99 de prata e 85 de bronze. Nunca nenhum país somou tantas vitórias em uma única edição de Parapan.

O Brasil deixa Lima como primeiro colocado no geral, com o dobro de campeões do segundo colocado no quadro de medalhas. Os Estados Unidos foram os vice-campeões na capital peruana com 57 ouros entre 182 no total. Apenas dois à frente do México, terceiro colocado, com 55 de 158.

Ao todo, 512 integrantes compuseram a missão brasileira em Lima, sendo 337 atletas, entre os quais atletas-guias, calheiros, goleiros e pilotos, que não possuem deficiência, de 23 estados e do Distrito Federal em 17 modalidades.

Relacionadas
Comentários (1)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

Daniel Rosa   2 anos atrás
Eu to que To.
23 JUN
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Notícias
facebook
Blogs
Publicidade
14/01/2021
Santos e Palmeiras disputam a final da Taça Libertadores no dia 30 de janeiro, às 17h, no Maracanã. Na sua opinião, qual dos dois será o campeão?

Nenhuma enquete encontrada!

Logos e Certificações: