[[date:%A, %d %B %Y]]

Verdades escondidas

EditorialBastidores

Verdades escondidas

Percebemos claras manobras que ignoram o que deveria ser a principal preocupação de quem governa o país.  

A quantidade de notícias desencontradas que circulam por diversos meios de informação, antes tidos como fontes seguras, provocam cada vez mais dúvidas e nos levam a desconfiar que estejamos abandonados à própria sorte. Preocupa-nos ainda mais quando percebemos claras manobras que ignoram o que deveria ser a principal preocupação de quem governa o país. Percebe-se que a preocupação é sim a de salvar os próprios interesses sem considerar o que deveria ser o motivo primeiro a nortear a conduta de quem se propõe a representar o povo.

Por exemplo, surgiu esta semana o questionamento de que se forem apresentados muitos candidatos à Presidência da República ou ao governo estadual a eleição de um bom nome pode ser prejudicada. Porém, como saber quem é bom nome sem dar oportunidade a vários candidatos se apresentarem? Como, fora do círculo do poder, se pode ter certeza de que o questionamento, no caso, significa apenas fazer sobrar mais dinheiro do fundo eleitoral para as candidaturas legislativas?

Reforça essa hipótese a possível criação das federações partidárias (junção de dois ou mais partidos formando um grupo) e a resistência de boa parte dos políticos em aceitá-las. Os contrários estão preocupados sobre quais 'caciques' de cada partido agregado irão presidir cada fusão. Esses mandatários controlarão a dinheirama robusta que alimentará por quatro anos a respectiva. É a inversão da fábula de 'colocar o guiso no pescoço do gato'.

Já foi anunciada a quarta dose da vacina contra a Covid-19. Pelo raciocínio acima exposto, não é exagero questionar se o pretendido não seja principalmente 'faturar' (de todos os modos) os dividendos que tal iniciativa irá resultar, principalmente o de um favorecimento eleitoreiro.

A relutância dos governadores dos Estados em reduzir o ICMS sobre o preço dos combustíveis é outro tema a proporcionar outras hipóteses, porém nenhuma em favor dos ditos 'chefões' partidários. Por isto vai ficando como está, 'na geladeira'.

É a nossa opinião. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 26 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://diariodejacarei.com.br/

No Internet Connection