[[date:%A, %d %B %Y]]

Câmara aprova mais um servidor na composição do sindicato da categoria

Câmara aprova mais um servidor na composição do sindicato da categoria

Medida acrescenta mais um servidor na composição do quadro de representantes no Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais.

REPRESENTATIVIDADE
Por 13 votos favoráveis, a Câmara aprovou, na sessão de quarta-feira (30), projeto de lei do prefeito Izaias que acrescenta mais um servidor na composição do quadro de representantes no Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais. Atualmente, a entidade possui três servidores eleitos para cargos de direção que representam os servidores da Administração Direta.

O QUE MUDA
A partir da sanção do prefeito, a medida permitirá ao STPMJ contar com quatro representantes. No caso do sindicato dos servidores da Administração Indireta, a quantidade de membros permanecerá de três integrantes, sem alteração no quadro de recursos humanos. Segundo Izaias, a medida atende a uma reivindicação do STPMJ, que solicitou o aumento na composição de membros na entidade.

PRIMEIRO VOTO
O número de jovens entre 15 e 18 anos que tiraram o primeiro título de eleitor até 21 de março foi de 854.685, informou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O prazo para emitir o documento e estar apto a votar nas eleições de outubro segue até 4 de maio. O procedimento pode ser feito inteiramente online.

MOBILIZAÇÃO
As novas emissões ocorrem em meio a uma campanha de mobilização promovida pela Justiça Eleitoral nas redes sociais, que contou com a adesão de diversas personalidades. A mobilização ocorreu após a Justiça Eleitoral identificar o menor nível de participação de adolescentes no processo eleitoral dos últimos 30 anos.

NÚMEROS
De acordo com as estatísticas oficiais, até janeiro deste ano o TSE registrava, no total, pouco mais de 730 mil títulos emitidos para jovens de 15 a 17 anos de idade, cujo voto é facultativo. O menor nível de participação de adolescentes já registrado ocorreu nas eleições municipais de 2020, quando a emissão do título de eleitor caiu drasticamente para essa faixa etária e apenas 992 mil jovens tinham o documento no dia da votação. Quatro anos antes, em 2016, o número era de 2,3 milhões.

MEMÓRIA
Na última eleição presidencial, em 2018, 1,4 milhão de jovens entre 15 e 17 anos tinham o título, menor nível para as eleições gerais desde 1992, quando mais de 3,2 milhões de jovens estiveram aptos a votar. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 26 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://diariodejacarei.com.br/

No Internet Connection