[[date:%A, %d %B %Y]]

Bicho preguiça é resgatado pela Defesa Civil e devolvido à natureza, em Jacareí

CidadeMeio ambiente

Bicho preguiça é resgatado pela Defesa Civil e devolvido à natureza, em Jacareí

O animal foi avistado por populares na cerca de uma chácara no bairro Campo Grande (região sul). 

Feito o resgate, com todos os cuidados, o bicho passou por avaliação e, após ser constatado que estava bem, foi devolvido à natureza. Foto- Divulgação/PMJ

Bicho preguiça é resgatado pela Defesa Civil e devolvido à natureza, em Jacareí. De acordo com informações da Prefeitura Municipal, o órgão recebeu um chamado inusitado no início da tarde de terça-feira (18).

Por volta do 12h40, os agentes foram acionados para resgatar um bicho preguiça que não estava encontrando o caminho de volta para 'casa'. O animal foi avistado por populares na cerca de uma chácara no bairro Campo Grande, região sul da cidade.

Feito o resgate, com todos os cuidados, o bicho passou por avaliação de um biólogo da Prefeitura e, após ser constatado que estava bem, foi devolvido à natureza, numa das matas da região.

De acordo com o biólogo Daniel Ribeiro Pacheco, da Diretoria de Proteção Animal da Secretaria de Meio Ambiente e Zeladoria Urbana de Jacareí, o bicho preguiça é natural da Mata Atlântica e alguns fatores podem ocasionar o surgimento de animais como este fora de seu habitat natural. Entre estes fatores estão queimadas e desmatamento provocados pelo homem e que causam a destruição das matas.

ORIENTAÇÕES
A Prefeitura de Jacareí, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Zeladoria Urbana, dá algumas orientações à população, caso alguém se depare com um bicho preguiça, lobo-guará ou outro animal nativo/exótico, fora do seu habitat natural.

– Ligue para a Polícia Ambiental: (12) 39111900 ou para o Corpo de Bombeiros no 193 ou 190. Ambas instituições são preparadas para recuperar e devolver esses animais ao habitat natural.

– Nunca tente fazer a captura do animal, que pode reagir de forma agressiva caso se sinta ameaçado, por estar fora de seu habitat. Não forneça alimentos ou água, que podem ser prejudiciais.

– Não é recomendável fazer fotos próximas ao animal ou acompanhar com veículos, pois pode colocar em risco a vida tanto do animal quanto da pessoa. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 28 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://diariodejacarei.com.br/

No Internet Connection