[[date:%A, %d %B %Y]]

Após assembleia, metalúrgicos ocupam fábrica da Caoa Chery em Jacareí

CidadeMobilização

Após assembleia, metalúrgicos ocupam fábrica da Caoa Chery em Jacareí

Trabalhadores rejeitaram proposta e aprovaram layoof de cinco meses, mais três de estabilidade.  

Trabalhadores da Caoa Chery no interior da fábrica, nesta terça-feira (24), em Jacareí. Foto- Divulgação/Sindmetal/SJC

Cerca de 200 trabalhadores ocuparam a fábrica da Caoa Chery, em Jacareí, nesta terça-feira (24). A informação foi divulgada pelo sindicato que representa a categoria. De acordo com a entidade, a ocupação, que durou cerca de uma hora e meia, ocorreu em protesto 'à falta de compromisso da empresa', que voltou atrás em acordo assinado em ata com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região.

Na assembleia, os trabalhadores rejeitaram a proposta patronal (indenização de sete a 15 salários nominais aos demitidos, sem benefícios e sem layoff) e aprovaram a reivindicação apresentada pelo Sindicato, que prevê cinco meses de layoff mais três meses de estabilidade no emprego. Também foi aprovada a proposta do Ministério Público do Trabalho (MPT), apresentada em audiência no dia 20, sendo: 20 salários nominais e extensão por 18 meses de todos os benefícios para quem aderir ao plano de indenização social.

Ainda em assembleia, os trabalhadores decidiram seguir com o acampamento em frente à fábrica e realizar uma mobilização por dia.

QUEBRA DE ACORDO
Ainda de acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região, os trabalhadores estão em luta contra o fechamento da fábrica e pela adoção do layoff na planta. No dia 10, o Sindicato e a direção da empresa assinaram o documento aprovando o layoff de cinco meses com mais três meses de estabilidade.

Porém, dois dias após assinar a ata, a Caoa Chery desistiu do compromisso. Desde então, o Sindicato tenta avançar nas negociações com a empresa, com a mediação do Ministério Público do Trabalho (MPT).

Duas audiências de conciliação, realizadas na sexta (20) e segunda-feira (23), terminaram sem acordo.

MEMÓRIA
No dia 5 de maio, a Caoa Chery anunciou o fechamento da fábrica de Jacareí e a demissão de cerca de 480 trabalhadores. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 07 Julho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://diariodejacarei.com.br/

No Internet Connection