[[date:%A, %d %B %Y]]

Importa mesmo de onde viemos?!

EditorialPolítica internacional

Importa mesmo de onde viemos?!

Figurões da república pisoteiam leis e desprezam vidas humanas na busca de mais poder 

Os argentinos chamam os brasileiros de 'macaquitos' desde 1920', escreveu o cronista Lima Barreto, obviamente com vistas a uma rivalidade futebolística que perdura até hoje. Uma treta que ultrapassou o limite dos estádios. A internet dedica dezenas de páginas sobre o assunto. Na Copa de 2014 uma loja brasileira de eletrodomésticos fez comerciais chamando os argentinos de 'hermanos', mas não houve revide por parte dos vizinhos, grandes parceiros comerciais do Brasil.

Tudo parecia estar caindo no esquecimento se não fosse na quarta-feira (9) o atual presidente argentino, Alberto Fernándes, afirmar em Buenos Aires, num discurso de saudação ao premier espanhol que 'os brasileiros vieram da selva'.

'Os mexicanos vieram dos indígenas, os brasileiros das selvas e nós em barcos vindos da Europa', disse Fernándes apontando badalativamente para Pedro Sanchez, chefe de governo espanhol. Além da gafe protocolar, cometeu erro histórico ao atribuir a origem do que disse ao escritor Octavio Paz, quando a falácia é parte de uma canção do músico argentino Litto Nebbia.

Infelizmente, o ocorrido também mostra o conceito que se forma deste país na opinião internacional, reflexo das acirradas brigas do alto escalão nacional por pura 'caça a privilégios'. Figurões da república pisoteiam leis e desprezam vidas humanas na busca de mais poder. Evocam terraplanismo, xenofobia, evolucionismo e tudo o que possa desconstruir o 'outro lado', inclusive um tipo grosseiro de molecagem.

Há, felizmente, a grande maioria dos cidadãos de bem que acredita no alto fôlego do Brasil. A fúria desvairada dos que ainda pensam vencer no grito se auto desmoraliza todos os momentos. A cada dia percebe-se a indignação dos bons brasileiros a tal comportamento. O próprio Brasil com resultados positivos na economia e nas oportunidades mostra-nos escancaradamente que o importante não é de onde viemos, e sim para onde (e como) estamos indo.

É a nossa opinião. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 23 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://diariodejacarei.com.br/

No Internet Connection