Sábado, 13 Julho 2024

Jacareí lança app para mulheres vítimas de violência doméstica

Cidade'botão de pânico'

Jacareí lança app para mulheres vítimas de violência doméstica

Mulheres poderão acionar a GCM para o envio de viatura para o endereço onde está localizado o aparelho. 

Toda mulher que se sentir em situação de perigo pode acionar a escolta da GCM. Foto- Divulgação/PMJ

A Prefeitura de Jacareí, por meio da Secretaria de Segurança e Defesa do Cidadão, lançou o aplicativo 'Botão de Pânico' para atender mulheres vítimas de violência doméstica no município. A ferramenta é destinada para mulheres que possuem Medida Protetiva no âmbito da Lei Maria da Penha.

Clique aqui para participar do canal do Diário de Jacareí no WhatsApp e receber notícias em tempo real.

"Esse aplicativo vai garantir maior rapidez no atendimento, fazendo com que a vítima não perca tempo tentando fazer uma ligação. Em uma situação de perigo, cada fração de segundo é importante para evitar que o pior aconteça", explica o secretário de Segurança e Defesa do Cidadão, Edilson Guedes.

'BOTÃO DE PÂNICO'
Quando importunada, basta a mulher dar um click em seu celular que a central de atendimento da Guarda Civil Municipal será avisada e prestará apoio imediatamente, enviando a viatura mais próxima da localização onde a vítima se encontra.

Os guardas também recebem, instantaneamente, todas as informações da vítima e do agressor. Após o primeiro atendimento à assistida, a equipe da Patrulha Maria da Penha assume a ocorrência em conjunto, prestando todo o apoio necessário.

Atualmente, Jacareí tem 45 mulheres assistidas pela equipe da Patrulha Maria da Penha. Todas podem optar por receber apoio da GCM com rondas diárias pelos pontos de segurança, como casa, trabalho, entre outros.

COMO SOLICITAR
As mulheres interessadas devem passar pelo atendimento do Programa Família Segura, localizado na Av. Major Acácio Ferreira, 432, Centro. Lá, receberão todas as instruções para ter acesso ao aplicativo do 'Botão do Pânico'. O espaço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Toda mulher que se sentir em situação de perigo pode acionar a escolta da GCM voltada, especificamente, para a violência doméstica, também pelo telefone 153, 24 horas. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 13 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://diariodejacarei.com.br/

No Internet Connection