Domingo, 27 de Setembro de 2020 | você está em »principal»Notícias»Geral
Publicado em 05/08/2020 às 10h10
Presidente da Câmara defende a redução de salários dos políticos durante a pandemia
Umberto Ferretti / Agência Rádio2
Marcelo Camargo/Agência Brasil
Marcelo Camargo/Agência Brasil
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), durante entrevista

Salários dos políticos deveriam ter sido reduzidos, por conta da crise. A afirmação foi feita pelo presidente da Câmara dos Deputados.

Em junho, Rodrigo Maia (DEM-RJ) chegou a bater boca, via imprensa, com o presidente Jair Bolsonaro. O presidente da República disse que poderia prorrogar o pagamento do auxílio emergencial se deputados e senadores aceitassem um corte no salário deles.

Ao rebater, Maia afirmou que poderia discutir o assunto, desde a redução valesse para todos os poderes, não apenas para o Legislativo. Mas a conversa ficou por isso mesmo.

Agora, em entrevista à TV Cultura, o deputado avaliou que não ter promovido esses cortes foi um erro. 

Rodrigo Maia avaliou, ainda, que um possível corte não teria apenas impacto econômico, no sentido de reduzir despesas; mas também serviria pra dar um bom exemplo.

Vale lembrar que um das medidas aprovadas em Brasília, por conta da pandemia, diz que o salário do trabalhador com carteira assinada, esse sim, pode ser cortado, juntamente com a redução da jornada. É possível até suspender o contrato, por um período, e deixar o profissional sem pagamento.

Em ambos os casos, o trabalhador recebe uma compensação, do Governo, que não necessariamente cobre o que ele ganhava antes.

Publicidade
Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

27 SET
Publicidade
Notícias

Blogs
Publicidade
Publicidade
11/10/2019
A Prefeitura de Jacareí anunciou a implantação de corredores de ônibus na cidade. Qual a sua opinião sobre o tema?
06/04/2019
Após 100 dias de trabalho, qual a sua avaliação sobre o governo de Jair Bolsonaro (PSL)?
  • 38.1%
  • 19.5%
  • 14.6%
  • 13.3%
  • 12.2%
  • 2.2%
Logos e Certificações: