Domingo, 08 de Dezembro de 2019 | você está em »principal»Notícias»Geral
Publicado em 21/11/2019 às 14h59
Leticia Aguiar pede impressão de voto a partir das eleições de 2020
A Redação / Diário de Jacareí
Divulgação
Divulgação
De acordo com a deputada Leticia Aguiar, a impressão do voto constitui um avanço que a sociedade brasileira almeja neste momento

A deputada estadual Leticia Aguiar (PSL) enviou moção ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e à Câmara Federal pedindo pela impressão de voto no país. A parlamentar de São José dos Campos repete o discurso do presidente Jair Bolsonaro, que defendeu novamente o voto impresso após crise e renúncia de Evo Morales na Bolívia. 

"Será que a votação por urna eletrônica garante a segurança que os eleitores precisam para que a vontade deles seja respeitada? Como garantir que a votação eletrônica não pode ser falsificada? Como auditar o processo eletrônico? São dados que não podem ser revistos, uma vez que não existe prova para recontagem dos votos aferidos pelas urnas eletrônicas", disse a parlamentar.

Assim como o presidente, Leticia Aguiar entende que a medida garantirá uma contraprova com relação aos votos digitados nas urnas brasileiras. Além disso, a impressão do voto contribuirá sobremaneira para os processos de recontagem dos votos aferidos pelos equipamentos eletrônicos. A parlamentar destaca que não é contra a urna eletrônica, mas salienta que o processo pode ser aprimorado. 

IMPRESSÃO
De acordo com a deputada, para que a medida seja válida já nas próximas eleições de 2020 o TSE poderá implantar o sistema com impressoras acopladas às urnas eletrônicas, com base em medida já prevista na minirreforma eleitoral de 2015. "Entendo que o processo pode ser aprimorado. A impressão do voto constitui um avanço que a sociedade brasileira almeja neste momento", finaliza Leticia.

OUTRO CAMINHO
A PEC - Proposta de Emenda à Constituição 135/19, de autoria da deputada federal Bia Kicis (PSL-DF), exige a impressão de cédulas em papel na votação e na apuração de eleições. A PEC será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania quanto a seus aspectos constitucionais, jurídicos e de técnica legislativa. Se admitida, será examinada por uma comissão especial e votada em dois turnos pelo Plenário da Câmara dos Deputados.  

Publicidade
Relacionadas
Comentários (1)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

Rafael   2 semanas atrás
kkkk, desde qdo uma impressao garantiria a "certeza" do voto? Uma maquina raqueda poderia imprimir o voto com um nome e computar outro pra fins de consolidacao. Mas deixa....... cada povo tem os politicos que merece.
08 DEZ
Publicidade
Notícias

Blogs
11/10/2019
A Prefeitura de Jacareí anunciou a implantação de corredores de ônibus na cidade. Qual a sua opinião sobre o tema?
06/04/2019
Após 100 dias de trabalho, qual a sua avaliação sobre o governo de Jair Bolsonaro (PSL)?
  • 38.1%
  • 19.5%
  • 14.6%
  • 13.3%
  • 12.2%
  • 2.2%
Publicidade
Publicidade
Logos e Certificações: