Publicidade
Quinta-feira, 22 de Abril de 2021 | você está em »principal»Notícias»Esportes
Publicado em 08/04/2021 às 10h36
Jacareí perde o professor e mestre de judô, Paulo Graça
A Redação / Diário de Jacareí
Arquivo/PMJ
Arquivo/PMJ
O professor e mestre de judô, Paulo Graça, que faleceu em Jacareí

Morreu em Jacareí, nesta quinta-feira (8), aos 85 anos, Paulo Graça. Reconhecido por seu trabalho como mestre de judô, a academia de artes marciais localizada ao lado do Mercado Municipal, no centro da cidade, acolhia crianças, jovens e adultos em um projeto social fundado por ele há 20 anos. 

A causa da morte, por hora, não foi informada. De acordo com o Clube Rodoviário do Judô, o velório ocorrerá das 11h30 às 13h30 na funerária Tobias, também na região central. 

O secretário de Esportes e Recreação de Jacareí, Dorival Leal Moreira, lamentou o ocorrido e disse que a morte de Paulo Graça deixará um vazio para todos, mas, ao mesmo tempo, um legado para a modalidade. 

HISTÓRIA
Nascido em 10 de abril de 1935, Paulo Graça faria 86 anos no próximo sábado (10). Sua caminhada no judô começou em Suzano, aos 13 anos, em troca do sustento à sua família. 

Em 1960, foi contratado pela Polícia Rodoviária Federal para ensinar judô aos estagiários, e se aposentou anos depois como professor da modalidade. Nos últimos anos, o projeto social não contava com nenhum patrocínio, e o sonho de Paulo Graça era revitalizar o Clube Rodoviário do Judô, como por exemplo, o telhado, que em dias de chuva prejudicava o tatame do espaço. 

Antes da pandemia, cerca de 250 a 300 pessoas eram atendidas pelo projeto. Inúmeros troféus foram conquistados tanto por Paulo Graça quanto por seus alunos, em diversos campeonatos municipais, regionais e nacionais. Além do centro da cidade, o sensei também desempenhava atividade voluntária com crianças do distrito do Parque Meia Lua.

O PROJETO
Com objetivo de colher frutos para Jacareí por meio do esporte, o Projeto Paulo Graça Judô, há 20 anos, promove o ensino das técnicas de artes marciais para crianças carentes do município. As aulas, ministradas no centro da cidade, além dos bairros Vila Garcia (região oeste), Conjunto São Benedito (região leste) e Parque Meia-Lua (região norte), oferecem a oportunidade de crianças e jovens conhecerem os benefícios da prática dessa modalidade, cujo legado é a formação cidadã e consciente longe dos vícios e/ou posturas prejudiciais à saúde e a vida humana.

Idealizador do projeto e técnico de nível nacional credenciado pela Confederação Brasileira de Judô, o Mestre Paulo Graça contava que inúmeras foram e são as dificuldades, sobretudo no início.

“Tivemos que fazer sacrifícios diversos; pedimos doações para o comércio para que a continuidade desse projeto que ajuda muitas pessoas”, explicou. Para Paulo, apesar dos empecilhos, era gratificante conduzir as atividades ao lado da coordenadora Flávia Mirian Ribeiro. “Eu não me contenho de alegria. Com simplicidade conseguimos tudo, e trouxemos muitos títulos para Jacareí”, ressaltou. 

*Colaborou Rádio CBNVale. 

Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

22 ABR
Publicidade
Publicidade
Notícias
facebook
Blogs
Publicidade
Publicidade
14/01/2021
Santos e Palmeiras disputam a final da Taça Libertadores no dia 30 de janeiro, às 17h, no Maracanã. Na sua opinião, qual dos dois será o campeão?

Nenhuma enquete encontrada!

Logos e Certificações: