Sábado, 17 de Novembro de 2018 | você está em »principal»Notícias»Editorial
Publicado em 31/08/2018 às 15h03
Falta de respeito é ruim, e nós abominamos
A Redação / Diário de Jacareí

A legislação brasileira pune atos de uma pessoa a partir da vigência de uma lei. Como ouvimos diariamente pelo noticiário sobre a avalanche de indiciamentos criminais envolvendo personalidades da República que procuram esquivar-se até por meios oblíquos, porém legais.  Um deles: “ninguém será punido se vencer o prazo para a acusação”. Se a Justiça bobear no tempo, o criminoso está livre, embora os efeitos de seus atos permaneçam.

O cerimonial público, regido pelo Decreto Federal 70.274, segue princípios que procuram harmonizar o comportamento dos presentes a um ato público que envolva autoridades. Determina reverenciar plateia e pessoas investidas de cargos dentro de hierarquias, sem levar em conta quem os ocupa.

Faz o mesmo com a memória das personalidades. O país respeita, por exemplo, os bandeirantes que têm lá seus atos negativos. Em Jacareí existe rua, colégio e museu que reverenciam vultos reconhecidamente traficante de escravos.

Semana passada, lamentamos ter sido ignorado oficialmente um membro da família real brasileira que protagonizou um evento por aqui. Voltamos ao assunto para mostrar que não seguir normas que procuram harmonizar ações da sociedade ‘contamina geral’. Talvez por exigir nenhum trabalho e esforço.

Um membro da comissão que discute correções no Brasão de Jacareí explicava certas ideias que apresentara. Nisto ele cita algo que o prefeito teria feito no passado que ele, orador, julgava contraditório. O prefeito, presente, pediu um aparte para se explicar. Foi-lhe negada ostensiva e publicamente a palavra pelo cidadão de forma pelo menos deselegante.

Como o orador a quem nos referimos trabalha na Justiça Estadual, gostaríamos de mostrar o ‘recado’ simbólico sobre o fantasma que assombra nossa pátria: Num evento promovido pelo Legislativo, em realização no salão nobre do Executivo, um funcionário do Judiciário, impede a maior autoridade presente de defender-se.

Você pode justificar: “O exemplo vem de Brasília!”. E nós diremos...

...é a nossa opinião. 

Publicidade
Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

17 NOV
Publicidade
Notícias

Blogs
08/10/2018
Qual a sua opinião sobre a mudança do Poupatempo para a região central de Jacareí
30/08/2018
Você pretende votar em um candidato de Jacareí­ a deputado nessas eleições?
  • 48.2%
  • 42.1%
  • 9.7%
Publicidade
Publicidade
Logos e Certificações: