Publicidade
Sábado, 28 de Novembro de 2020 | você está em »principal»Notícias»Editorial
Publicado em 23/10/2020 às 15h06
Como esperar que o eleitor acredite?
A Redação / Diário de Jacareí

Há 100 anos, a Companhia Telefônica de Nova Iorque fez pesquisa para saber qual palavra era mais usadas nas conversações por telefone. Venceu o pronome pessoal “eu”, repetido 4 mil vezes em 500 ligações. Recentemente, levantamento semelhante feito pelo ‘Google’ constatou que o maior número de indagações em seu mecanismo de consultas foi ‘como faço para as pessoas gostarem mais de mim?

O estudo mostra que apesar do avanço tecnológico obtido em nível coletivo, em um século a autoestima humana caiu a ponto de deixar grande parte de mulheres e homens sem saber como enfrentar o cotidiano ‘dos anos 2000’.

Isto explica, em parte, o porquê da campanha eleitoral de Jacareí deste ano ‘conseguir’ ser pior do que das de eleições anteriores. E não é por falta de ferramentas de propaganda que poderiam ser usadas para mostrar seriamente quem são e o que pensam os candidatos. 

Diferentemente de São José, em Jacareí nem a TV local está sendo procurada pela maioria dos partidos para preencher o horário obrigatório da propaganda gratuita; sem falar do pessoal de publicidade trabalhando precariamente para candidatos, cuja única novidade foi substituir os antigos ‘santinhos’ por cartõezinhos coloridos. 

Não fossem as lives apresentadas diariamente pelo Diário de Jacareí, de 28 de setembro a 14 de outubro, com dez dos onze candidatos à prefeitura, muito menos saberíamos sobre eles. Já os postulantes ao Legislativo ficaram entregues à própria sorte e ao corpo a corpo nas feiras livres, onde o tempo, o ambiente e a concorrência não permitem uma apresentação funcional. 

Já a internet requer outra linguagem que muitos nem pensam em utilizar e os que usam exibem mecanicamente o conteúdo dos citados cartõezinhos. No mínimo emitissem opiniões sobre assuntos de interesse público seria um bom começo. ‘A regra é clara’: se o candidato não demonstrar que acredita em si, como esperar que o eleitor acredite?

É a nossa opinião.

Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

28 NOV
Publicidade
Notícias
facebook
Blogs
Publicidade
Publicidade
Logos e Certificações: