Segunda-feira, 24 de Fevereiro de 2020 | você está em »principal»Notícias»Cidade
Publicado em 11/02/2020 às 15h31
Câmara vota projeto de parcelamento de dívidas com o SAAE de Jacareí
A Redação / Assessoria de Imprensa
Arquivo/PMJ
Arquivo/PMJ
Sede administrativa do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), em Jacareí

A Câmara Municipal deverá apreciar, nesta quarta-feira (12), o projeto do prefeito Izaias Santana (PSDB) que autoriza o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Jacareí a conceder parcelamento de seus créditos. A proposta permite ao usuário o parcelamento das dívidas vencidas no ano e em exercícios anteriores, inscritos em dívida ativa, ou em fase de cobrança Judicial ou extrajudicial.

De acordo com o prefeito, todos os débitos poderão ser parcelados, oferecendo ao consumidor todas as facilidades possíveis para que regularize suas dívidas junto ao SAAE, de acordo com suas possibilidades financeiras.

“Focamos principalmente nos consumidores de baixa renda, pertencentes a categoria de usuários do SAAE denominada ‘residencial econômica’, aos quais, por exemplo, pode ser concedida redução de 50% no percentual exigido a título de entrada na negociação”, justificou Izaias.

Um dos principais pontos da proposta é a possibilidade da Procuradoria Jurídica do SAAE não ajuizar e desistir de ações e execuções fiscais de débitos de valor igual ou inferior a 7 VRMs, ou seja, aproximadamente R$ 470,00.
O projeto ainda decreta que os débitos vencidos em exercícios anteriores poderão ser parcelados em 36, 48 ou 60 vezes, de acordo com o valor global do debito; caso ocorra a revogação do primeiro parcelamento, o usuário ainda poderá requerer quatro reparcelamentos, variando apenas o percentual da dívida a ser pago a título de entrada.

INADIMPLÊNCIA
De acordo com o prefeito de Jacareí, a necessidade do reparcelamento decorre do elevado índice de inadimplência dos usuários. Dos 2121 parcelamentos firmados entre 2018 e 2019, 507 (24%) foram revogados por inadimplência, de acordo com levantamento da autarquia.

O valor da parcela prevista na negociação não poderá ser inferior ao da tarifa mínima aplicável ao imóvel que originou os débitos.

Para aprovação, o projeto necessita do voto favorável da maioria simples dos vereadores.

Publicidade
Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

24 FEV
Publicidade
Notícias

Blogs
11/10/2019
A Prefeitura de Jacareí anunciou a implantação de corredores de ônibus na cidade. Qual a sua opinião sobre o tema?
06/04/2019
Após 100 dias de trabalho, qual a sua avaliação sobre o governo de Jair Bolsonaro (PSL)?
  • 38.1%
  • 19.5%
  • 14.6%
  • 13.3%
  • 12.2%
  • 2.2%
Publicidade
Publicidade
Logos e Certificações: