Publicidade
Segunda-feira, 17 de Maio de 2021 | você está em »principal»Blogs»O Quinto Poder
Publicado em 11/03/2016 às 14h51
O Lagarto Dendrólatra


JOSÉ LUIZ BEDNARSKI

Mudei-me recentemente para a Vila Aprazível. Corte de gastos. Optei por uma casa com aluguel mais barato e IPTU baixo, com aquiescência de meus credores. É uma residência antiga, localizada em frente ao Edifício Majestic. Terreninho de meio lote, porém suficiente para montar no quintal a econômica horta. Do alpendre, é bela a vista da cidade, com o perdão do trocadilho relacionado ao bairro do morro vizinho, assim intitulado.

Muda-se de endereço, mas os amigos verdadeiros permanecem. Então, no sábado passado, o lagartão Jota Teiú veio me visitar e saímos para dar uma volta pela Teiulândia. Sim, eis o nome de fato e de direito de nossa cidade. Jacareí nunca teve jacaré. Os pioneiros boçais confundiram indevidamente os gigantescos teiús com a crocodilagem. Pense bem, leitor: se houvesse jacaré, jamais Dom Pedro atravessaria o Rio Paraíba só pra proclamar a Independência do Brasil.

Voltando à flanância no lombo do lagarto, primeiro Jota fingiu que era bicicleta e descemos a agreste Rua Barão de Jacareí pela contramão. Meu saudosista amigo réptil rememorou que havia frondosas árvores ao longo daquela relevante artéria, até a estrela do novo milênio brilhar no céu afonsino e passar impiedosa motosserra cá embaixo. Antes de virar próspero empresário no ramo de transporte de passageiros, Jota Teiú foi roqueiro natureba. Era chapa do Serguei e, na década do amor livre, chegou a abraçar árvore com a imortal Janis Joplin, numa viagem alucinante. Logo, meu querido Jota considera qualquer arbusto uma divindade. Eis por que anda tão acerbo em suas considerações a respeito de nosso meio ambiente urbano.

Na sequência, passamos naquele oásis verde localizado na confluência da Avenida Nove de Julho com a Rua Lúcio Malta, que Jota insiste em apelidar de Parque dos Eucaliptos Cortados. Ele teima em atribuir os constantes alagamentos dali ao corte da vegetação hidrofágica de grande porte. Pensei em ponderar ao compadre que tivesse paciência. Embora possa demorar um tempo, as mudinhas substitutas fatalmente crescerão e proporcionarão abrigo aos bronzeados frequentadores. Mas fui prudente e não ousei contrariar o lagarto bravo. Não é jacaré, mas sua mordida dói um bocado.

Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

17 MAI
Publicidade
Notícias
facebook
Artigos
Perfil do Blog
O Quinto Poder

Coluna assinada pelo Promotor de Justiça da Cidadania, José Luiz Bednarski. Uma abordagem apartidária, com discussão aberta dos assuntos de interesse geral; o amadurecimento paulatino da cidadania, a força da população em diálogo com órgãos independentes representativos, como MP, Defensoria Pública e outras instituições criadas ou fortalecidas a partir daConstituição de 1988.


E-mail do autor: joseluizbednarski@gmail.com
Arquivo
Publicidade
Publicidade
14/01/2021
Santos e Palmeiras disputam a final da Taça Libertadores no dia 30 de janeiro, às 17h, no Maracanã. Na sua opinião, qual dos dois será o campeão?

Nenhuma enquete encontrada!

Logos e Certificações: